segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Um outro olhar...(6)


“o direito à (in)diferença...”

quem seremos nós?
e quantos estaremos aqui a fazer amor?
seremos mulheres ou homens?
seremos dois, três ou quatro?

mas, que interessa isso se estamos bem?

todos dizem que temos o direito à diferença
a nós que só queremos
apenas
ter o direito à indiferença

5 comentários:

Nuno CA disse...

Olá...
ainda antes de "regressar ao asfalto" nesta 2ª feira triste, molhada e fria... vim aqui e, ainda a propósito do amor, lembrei-me desta "(in)diferença...
uma boa semana... e força com esse novo curso; vão dando noticias...

josé ferreira disse...

Quando se vive rodeado de outros que não nos compreendem, que não nos dizem nada, temos concerteza o direito à indiferença e à diferença
e isso mais não é do que compreendermos melhor os outros à medida que sabemos mais de nós!
As tuas interrogações e dúvidas sempre bem ilustradas na tua arte são sempre importantes, fazem pensar.
Obrigado.

auxília disse...

Para quando, também, a exposição dessas esculturas?...

Nuno CA disse...

...exposição dessas esculturas... e dos respectivos textos... um projecto que existe... e tem sido adiado... até que um dia... quem sabe?...

imensa disse...

"que interessa isso se estamos bem?"
é bom encontrar o equilibrio da diferença na indiferença.

obrigada por teres passado no gostomuitissimodeti,

beijo imenso (a)