quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

outros dias























penso em todas as diferenças: as do género e as outras
 a luz de uma manhã  sumindo sombras
 os versos escritos nos espelhos  de um rio
os remos guardados dentro de um barco magnífico
o ruído dos pássaros
e o silêncio nas margens sem indícios –

outros dias –


josé ferreira 25 fevereiro 2014